Os meses frios do ano estão à porta e a humidade é uma das preocupações de muitas pessoas. Sabia que o excesso de humidade em casa poderá estar na origem de vários problemas de saúde?

São muitos os fatores que contribuem para um aumento da humidade em casa. Contudo, existem várias estratégias para acabar com este problema. Mas antes de conheceres as nossas dicas é importante que reconheças que a humidade pode ter diferentes origens e que a sua prevenção e resolução dependem do tipo de humidade.

Nem sempre os sinais são de fácil deteção, pelo que, na maioria das vezes, quando a humidade é identificada já se encontra muito instalada. A melhor maneira de evitar danos, tanto na casa como na saúde, passa pela prevenção.

Tipos de humidade

Existem diferentes formas para a humidade se instalar em casa, sendo as causas mais comuns por condensação, capilaridade e infiltração.

Condensação

A condensação acontece quando o vapor de água entra em contato com superfícies de temperatura inferior à temperatura ambiente. É uma das causas mais comuns de humidade nas paredes. Surge frequentemente em cozinhas e casas de casa de banho pouco arejadas, devido ao calor e vapor de água libertados nestas divisões.

Esta humidade é identificável sob a forma de manchas pretas ou castanhas irregulares nos cantos das paredes e tetos. Pode ser prevenida através de uma boa ventilação da casa e da impermeabilização das paredes.

A capilaridade consiste na ascensão da água por pequenos capilares. Acontece no chão e na base das paredes de casas situadas em solos húmidos que tenham uma impermeabilização deficiente entre o pavimento e o solo.

Esta humidade provoca manchas e danos que podem ser visíveis no chão e nas paredes. A solução passa pela impermeabilização dos pavimentos, recorrendo a materiais e revestimentos isolantes. É aconselhável, neste tipo de situações, a contratação de profissionais especializados.

Encontra especialistas neste tipo de trabalhos no OLX

Infiltração

A humidade por infiltração é causada pela penetração direta de água na estrutura da casa. Poderá ser de origem externa, através da penetração de água da chuva, ou interna, devido a fugas na canalização.

A água que se infiltra no interior provoca o descascamento das paredes, manchas amarelas e bolor. A única forma de eliminar este tipo de humidade é resolvendo os problemas que estão na sua origem. Como, na maioria das vezes, envolve problemas estruturais, a resolução deste tipo de situações é, muitas vezes, dispendiosa.

Como eliminar a humidade de uma superfície

Não há muitas formas diferentes de eliminar a humidade de uma superfície. O primeiro passo envolve a limpeza da área afetada.

Limpeza

Esta poderá ser feita com lixívia diluída ou, nos casos mais difíceis, com um produto de limpeza próprio para o efeito. No caso da existência de bolor, é aconselhada a utilização de detergente tira-bolores. 

Lista de material necessário:

Pintura

O segundo passo envolve a pintura das paredes ou tetos afetados. A qualidade e o tipo de tinta são fundamentais. Uma tinta adequada e anti humidade fará a diferença e levará a uma menor probabilidade de aparecimento de bolor. É certamente mais cara que outras, mas dar-te-á muito mais descanso, a longo prazo. Não precisarás de pintar a casa todos os anos. 

Quando a área se encontra muito afetada poderá ser necessário proceder à remoção da camada externa de tinta. Poderás fazê-lo com uma espátula ou com uma lixa.

Lista de material necessário:

5 dicas para prevenir o aparecimento de humidade

Como já referimos acima, a melhor maneira de gerir o aparecimento de humidade em casa, passa pela prevenção. Sobretudo no que se refere à humidade por condensação, cujo aparecimento é muito frequente no Inverno, há muita coisa que pode ser feita. Confere as 5 dicas que temos para te dar.

1. Deixa o ar entrar

Uma ventilação adequada é essencial para controlar o excesso de humidade da tua casa. A ventilação pode ser natural (através de portas e janelas) ou forçada (através de ventiladores, extratores e exaustores).

Em zonas com maior produção de vapor de água, como a casa de banho e a cozinha, a ventilação deve ser especialmente reforçada. Se a tua casa de banho não tem janela, aconselhamos-te a instalar um extrator que auxilie na remoção do excesso de vapor de água produzido. 

Se na tua casa verificas a existência de gotas a escorrer nas paredes é sinal de que está na hora de aumentares a circulação de ar.

2. Aplica um bom isolamento

Um bom isolamento ajuda a manter a temperatura interna das divisões, e evita que a humidade do exterior entre em casa.

São vários os materiais de isolamento disponíveis hoje em dia. Alguns podem, inclusivamente, ser instalados por fora das paredes.

3. Sensores de humidade

Uma das formas de reduzir a humidade em casa passa por identificar o tipo de humidade. Para te ajudar, existem de sensores que podem até ser integrados no sistema de ventilação e com o desumidificador.

Desta forma, quando detetares um nível acima do desejado, ativas imediatamente os sistemas de ventilação e exaustão.

O OLX dispões sensores de humidade a preços top!

4. Seca a roupa no exterior

Sabemos que esta dica não é fácil. Com a época da chuva à porta, o risco de estender a roupa no exterior é grande. Contudo, secar a roupa no interior aumenta os níveis de humidade em casa. Este é um dos grandes fatores responsáveis pela condensação de água em muitas habitações.

Procura secar a roupa o máximo possível no exterior ou então fazê-lo na máquina de secar. Se não tens uma, podes encontrar o modelo certo para ti no OLX. Outra opção passa por colocar um desumidificador na divisão onde deixas a roupa a secar.

5. Compra um desumidificador

Nas divisões da casa com tendência a ganhar mais humidade, utiliza um desumidificador. Este eletrodoméstico permite reduzir bastante os níveis de humidade do ar. Experimenta!

5 dicas para escolher um desumidificador

É certo que, muitas vezes, só damos conta da existência de humidade depois de vermos as manchas nas paredes e tetos. Por isso, sempre que vires vestígios de uma infiltração de água deste género na tua casa não deixes que avance e resolve o problema. Acabar com a humidade depois de instalada não é tarefa fácil. Por isso, a melhor estratégia passa mesmo pela prevenção. 

Agora que já te demos algumas dicas de como eliminar e prevenir o aparecimento de humidade em casa, põe mãos à obra e diz adeus ao bolor e às manchas!


Próximas leituras:

Os melhores processadores de 2021
Tudo o que precisas de saber para escolher processadores está neste guia. …
Guia para escolher um forno elétrico
Descobre tudo o precisas de saber acerca dos fornos elétricos e acerta …

Um comentário a “5 dicas para acabar com a humidade em casa”

  1. Nuno Silva diz:

    estes artigos são muito bons.
    Gostei das alternativas apresentadas no site
    Parabéns a toda a equipa do OLX

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *