Ter um ar condicionado é um excelente aliado na hora de afastar o calor em excesso que nos aquece a casa durante o verão. Claro está que se torna um ótimo investimento para garantir o conforto ao longo de todo o ano.

Para além de te ajudar a obter a temperatura ideal para a tua casa, o ar condicionado permite também desumidificar ambientes e ventilar divisões. No entanto, existem diferentes opções de modelos e climatizadores fixos e móveis.

Ar condicionado fixo vs. móvel

Nos dispositivos móveis, existe a vantagem de não ser necessária instalação e podem ser colocados em qualquer espaço da casa, mudando de divisão sempre que assim desejes. Por outro lado, tem o fator do ruído mais elevado.

O ar condicionado fixo já requer instalação, que exige perfuração da parede e a colocação de um tubo para o exterior. Para além disso, exige uma manutenção profissional anual.

O que ter em conta na hora de comprar um ar condicionado

1. Perceber as necessidades

O tipo de ar condicionado escolhido tem de responder às necessidades e características do tipo de casa onde vai ser usado. Para entendê-las é importante perceber a exposição solar da área, o número de divisões a climatizar e a potência do aparelho.

Se pretendes comprar um ar condicionado, mas vives numa casa alugada e o teu contrato impede-te de mexer no imóvel ou, noutra hipótese, se o condomínio do teu apartamento te impede de instalar um aparelho do lado de fora do teu imóvel, há solução: o ar condicionado portátil.

O ar condicionado portátil também é uma opção excelente para quem pretende adquirir um equipamento para climatizar a casa, mas não quer fazer grandes gastos na instalação.

À procura de um ar condicionado fixo?

2. Número de divisões a climatizar

Faz diferença na escolha do ar condicionado o facto de precisares e quereres climatizar apenas uma área, duas ou mais divisões. Deves calcular a potência do equipamento com base nos m2 da divisão que pretendes climatizar.

3. Ruído

O ruído que um eletrodoméstico faz é sempre um ponto a ter em conta na hora da compra, e um ar condicionado não foge à regra.

Um climatizador que produza mais de 40 decibéis é considerado de intensidade moderada a elevada e pode perturbar a concentração de quem estiver a trabalhar ou até diminuir a qualidade do sono.

Considera-se um ar condicionado silencioso, de intensidade de ruído muito baixa, aquele que tenha até 20 decibéis. De intensidade baixa estão os que se assemelham a uma conversação silenciosa, entre 20 e 40 decibéis. De comparação com uma conversação normal, de intensidade moderada, estão os climatizadores com decibéis entre 40 e 60.

Tem em conta que os equipamentos de ar condicionado móveis são mais ruidosos em comparação com os fixos. Nos equipamentos portáteis, o aparelho inteiro está dentro da casa, portanto, o ruído não tem para onde se expandir, emitindo em torno de 35 a 60 decibéis.

Mais de 400 ar condicionados portáteis à tua espera.

jovem mulher caucasiana a descansar na sofá da sala de estar com o ar condicionado ligado

4. Escolher a eficiência energética

A alta eficiência energética será sempre a que levará a uma otimização do consumo de energia. A capacidade máxima de funcionamento do aparelho é a mesma, mas o consumo de energia é menor consoante maior é o nível de eficiência.

O ar condicionado, tal como outros eletrodomésticos, é classificado numa escala de letras de A e D, sendo os A mais eficientes e, dentro desta letra, o A+++, representa o maior nível de eficiência.

5. Definir a potência do equipamento

Importa aqui perceber que os BTUs (ou unidade térmica britânica), correspondem à potência que determina a capacidade de refrigeração do ar condicionado. Para além dos m2 da área a climatizar, os BTUs variam consoante a área ou incidência solar ao longo do dia.

Caso o equipamento tenha uma baixa potência, face às necessidades de climatização da área, por muito que seja um eletrodoméstico de eficiência A+++, precisará de fazer um esforço extra para atingir a temperatura desejada, o que levará a um consumo de energia superior ao esperado.

No caso de pretenderes um ar condicionado portátil, deves considerar um com potência em BTUs pelo menos 30% mais alta que a necessária, pois a sua eficiência é menor que os equipamentos fixos.

Por ser um ponto importante na hora de comprar um ar condicionado, partilhamos contigo uma tabela que indica a potência necessária do climatizador face aos m2, tendo por base a incidência solar da área:

ÁreaSol de ManhãSol à Tarde/ Todo o Dia
até 10m²7.500 BTUs7.500 BTUs
12m²7.500 BTUs10.000 BTUs
15m²10.000 BTUs10.000 BTUs
20m²12.000 BTUs12.000 BTUs
25m²12.000 BTUs15.000 BTUs
30m²15.000 BTUs18.000 BTUs
40m²18.000 BTUs21.000 BTUs
50m²21.000 BTUs30.000 BTUs

6. Considerar um ar condicionado de dupla função

Esta é uma opção considerável para quem vive em zonas onde o clima sofre várias alterações ao longo do ano. Neste caso, o ar condicionado com bomba de calor é utilizado como dupla função, aquecendo e arrefecendo, consoante a necessidade.

Durante o aquecimento, o equipamento retira o ar frio da divisão, enviando para o exterior e bombeando o quente para o interior. Durante o arrefecimento, tem a função exatamente inversa, exigindo sempre as saídas de ar desimpedidas.

Os aparelhos de ar condicionado deste tipo, de dupla função, são uma das soluções mais eficientes para climatizar a tua casa. Arrefecem e aquecem rapidamente, com menos flutuações de temperatura. Também desumidificam o ar e podem servir apenas de ventiladores.

sala de estar de uma empresa com sofás cinzentos e cor de laranja, mesa de centro, preta e ar condicionado fixo na parede

7. Avaliar as funções extra

É natural que funções extra e características especiais influenciem o investimento no ar condicionado que pretendes adquirir, mas algumas são fundamentais e valem mesmo a pena.

Entre elas, podemos considerar o temporizador, que permite regular o tempo de funcionamento do equipamento. Outra opção importante é a função sleep, que tem por objetivo regular a temperatura automaticamente durante a noite.

O modo económico permite ainda reduzir a potência quando a temperatura é estabilizada, conduzindo a uma poupança de energia. A programação também é útil para programar o aparelho para funcionar 30 minutos antes de chegar a casa, fazendo com que a encontres já na temperatura desejada.

O modo inteligente deteta a presença de utilizadores e ativa o funcionamento, desligando se te ausentares da área. Por fim, referimos ainda o alerta para limpar ou mudar o filtro, melhorando assim a qualidade do ar e a eficiência do aparelho.

8. Não esquecer as manutenções

A manutenção periódica vai ser fundamental para o bom funcionamento do ar condicionado e para aumentar a sua durabilidade, sobretudo no ar condicionado fixo.

Agora que sabes tudo sobre os tipos de ar condicionado que existem e quais as diferenças entre eles, já podes iniciar a tua pesquisa sobre aquele que será a opção ideal para tua casa e para responder às tuas necessidades.

A escolha acertada vai levar-te a um investimento seguro. No site do OLX vais encontrar uma variedade de equipamentos que te vão ajudar a dizer adeus ao calor intenso dos dias de verão.


Próximas leituras:

Mi Band 5: conhece o novo modelo da Xiaomi
A Mi Band 5 veio para ficar e traz ainda mais funcionalidades! …
Como escolher uma pulseira fitness e dar um boost aos teus treinos
Estás a pensar investir numa pulseira fitness, mas não sabes qual comprar? …