O coelho anão é um animal muito ativo, afetuoso, e divertido, a companhia perfeita para qualquer família. No entanto, para que se integre de forma saudável, há alguns cuidados a seguir. Estes são os principais.

Tipos mais comuns de coelhos anões: existem vários e com diferenças importantes

Há diferenças entre os coelhos anões e existem várias raças. Estas são algumas das mais populares.

Coelho anão holandês ou netherland dwarf

O coelho anão holandês pode pesar no máximo 1 kg, é muito forte e musculoso, e possui a cabeça maior que o resto do corpo. As orelhas são pequenas e eretas, a pelagem muito brilhante e macia, e a esperança média de vida varia de 7 a 10 anos.

Coelho mini lop

De pelo mais espesso que o coelho anão holandês, o seu peso varia de 1,4 a 1,6 kg e a sua esperança média de vida é de 8 a 10 anos. Os coelhos mini lop, apesar de pequenos, têm uma musculatura forte e as suas orelhas de ponta arredondada, caídas ao lado da cabeça, são a razão do nome Lop.

Coelho anão angorá

Antes de se tornar bastante comum como animal de estimação, o pelo do coelho anão ángora era utilizado na confeção de camisolas de lã. Tem pelos muito espessos, o que exige uma escovagem pelo menos de duas a três vezes por semana, para evitar nós, além de que sofre com o calor. Pode pesar até 4 kg, é muito calmo e amigável.

Coelho anão lionhead

A juba densa desta raça de coelho anão faz lembrar um leão, daí a sua denominação. Pode pesar até 2 kg e as orelhas podem chegar até aos 7 cm de comprimento, embora fiquem disfarçadas no meio de tanto pelo. A escovagem, além da higiene dos restos de fezes, são os principais cuidados a ter.

Coelho anão Hotot

O coelho anão hotot surgiu em França e já chamou a atenção da realeza, graças à sua personalidade gentil e afetuosa. A pelagem é totalmente branca, os olhos castanhos e com um anel preto em volta. Mesmo pequenos, são de grande apetite, pelo que é necessário um cuidado redobrado com a alimentação, para que não fique obeso e o seu peso de mantenha entre os 3 e os 4 kg. Podem viver de 12 a 14 anos.

Coelho anão Jersey Wooly

Desenvolvido através do cruzamento do coelho Angorá francês e do coelho anão holandês, nos anos 70, esta raça é peculiar devido ao seu corpo compacto e musculoso, além da cabeça quadrada. Pode pesar até 2 kg e viver até 10 anos, pedindo alguns cuidados em relação à pelagem, que deve ser escovada regularmente e não pode ser cortada.

Coelho anão Holland Lop

Esta raça surgiu através de cruzamentos entre os coelhos anões de origem inglesa, francesa e holandesa. Os Holland Lop podem pesar até 1,8 kg, possuem cabeça achatada, pelagem lisa e orelhas grandes e caídas sobre a cabeça. Podem viver até 10 anos, se forem bem cuidados.

Personalidade: o coelho anão é dócil e carinhoso

O coelho anão tem uma personalidade dócil, carinhosa, sociável e de caráter amigável. Não aprecia a solidão e pode ser até um pouco nervoso, pelo que é crucial que cresça num ambiente saudável e equilibrado, longe de agressividade ou grandes alterações à sua rotina.

São animais muito sociáveis e inteligentes, facilmente domesticados e que conseguem aprender pequenas ordens. No entanto, convém relembrar que um coelho anão não é um brinquedo, e que deve ser respeitado. O método correto para os segurar é através da pele, entre as omoplatas com uma mão, e as patas traseiras, com a outra.

Atividade física: pelo menos 30 minutos de atividade física por dia

O coelho anão pode sofrer de stress se ficar muito tempo preso na gaiola. É importante que saia todos os dias, pelo menos por uns 30 minutos por dia. Apesar disso, não deve ficar sozinho ou sem supervisão, pois podem roer algo que não devem, tais como cabos.

Mesmo que o coelho passe a ideia de que precisa de pouco espaço, o indicado é que a gaiola tenha pelo menos 6 vezes o seu tamanho. As barras não devem ser cobertas de plástico, pois provavelmente vai roê-las.

Cuidados de higiene: atenção à limpeza da gaiola e escovagem

A gaiola deve ficar num local tranquilo, longe de correntes de ar ou sol direto. Durante a limpeza da gaiola, o coelho deve ser mantido afastado. Recomenda-se a utilização de água e vinagre de maça, por exemplo, para matar bactérias e eliminar o odor das necessidades fisiológicas do coelho. É importante ensinar o coelho a fazer as suas necessidades num sítio só, o que também vai facilitar na hora de limpar.

É importante escovar o pelo do coelho anão pelo menos uma vez por semana, eliminando assim os nós que se possam criar, para evitar que o coelho engula pelo e manter a sua pelagem macia, brilhante e saudável.

De resto, são animais muito limpos, pelo que não é necessário (nem recomendado) dar-lhes banho ou cortar-lhes o pelo. Caso fique muito sujo, pode ser lavado com água. Após o banho, deve ser bem seco, com especial cuidado para as dobras da barriga.

Alimentação: dieta rica em fibras e vegetais

A alimentação mais adequada a cada coelho anão deve considerar a sua idade e condição, e deve ser composta por fibras e vegetais frescos. Os legumes folhosos, como alface, espinafre, folhas de cenoura ou de couve-flor são as mais indicadas.

Ter feno sempre à disposição é também uma forma de suprimir as necessidades de fibra. Para prevenir problemas do foro digestivo, onde o coelho anão tem tendência, recomenda-se uma proporção de aproximadamente 70% de feno para 30% de ração especial para coelhos, verduras e frutas permitidas.

Cuidados de saúde: o coelho anão requer vigilância constante

O coelho anão também precisa dos cuidados certos e deve visitar o veterinário regularmente, seguindo um plano de vacinação a partir dos dois meses de vida. As duas doenças mais presentes entre os coelhos são a mixomatose e a doença hemorrágica viral (DHV), ambas fatais em caso de contágio, pelo que a prevenção adequada é essencial.

A desparasitação é outro cuidado essencial, tanto para prevenir os parasitas internos e externos. No primeiro caso, é recomendada uma desparasitação trimestral regular e, no segundo, contra pulgas, carrapatos e outros, podem ser utilizadas as pipetas comuns.

Além das orientações especificas a cada coelho em particular, é importante estar atento ao que o come e às suas necessidades. Se não defecar durante pelo menos 12 horas, ou urinar durante menos 24 horas, há motivos de alerta. Nesses casos, é melhor recorrer ao veterinário para identificar e despistar possíveis problemas de saúde.

O coelho anão é um animal fácil de manter e tratar, não devendo ser descurados quaisquer cuidados veterinários, a alimentação e, claro, o carinho.

Agora que já conheces um pouco mais sobre as suas características, temperamento, cuidados e sobre como cuidar de cada raça, encontra um coelho anão no OLX. Lembra-te de te certificar sobre a origem do animal, se possui registo legal, historial de saúde e as condições em que se encontra.

No OLX podes ainda comprar a melhor gaiola, a ração, escovas adequadas, e outros acessórios.


Próximas leituras:

15 raças de cães pequenos para famílias de todos os tamanhos
Estas são as 15 raças de cães pequenos perfeitas para casas de …
8 melhores praias para cães em Portugal
Existem cerca de 50 praias para cães de Norte a Sul de …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.