De acordo com o relatório do Portal da Construção Sustentável, apenas 1 em cada 10 portugueses vive numa casa em que a temperatura é considerada satisfatória. Esta é uma realidade em muitas casas, mas apesar dos preços elevados da energia é possível estar confortável nesta época. Descobre como preparar a casa para o inverno e passa esta temporada com mais bem-estar e saúde dentro de portas.

1. Verificar e limpar o sistema de aquecimento

Antes que as noites fiquem realmente frias, vale a pena tirar um tempo para verificar o estado do sistema de aquecimento – seja aquecimento central, ar condicionado ou até aquecedores a óleo. É difícil preparar a casa para o inverno sem manter o sistema em pleno funcionamento, até mesmo para garantir a qualidade do ar.

2. Escolher o sistema de aquecimento mais adequado

Atualmente existem várias opções no mercado, que garantem que é possível passar um inverno sem frio em casa. As salamandras são económicas e estéticas, enquadrando-se bem em qualquer casa. As lareiras em bioetanol são uma opção amiga do ambiente, prática, que não suja como a lenha e é acessível. Existem vários designs, desde os mais clássicos aos mais modernos, pelo que facilmente se encaixam em qualquer decoração, além de aquecerem a casa.

O ar condicionado também é uma opção viável. Absorve a energia de um local, libertando-a noutro. É uma boa opção para utilizar todo o ano, e há cada vez mais opções de consumo económico e fáceis de instalar.

Os tradicionais aquecedores elétricos são sempre uma opção viável, embora o conforto que possam oferecer possa não seja ao mesmo nível das demais soluções. Contudo, existem vários modelos no mercado, para diferentes orçamentos, que podem ser ótimas alternativas para aquecer um espaço isolado e preparar a casa para o inverno.

Os emissores termoelétricos são das soluções mais eficientes do mercado. Podem ser programados, distribuem o calor gradualmente até à temperatura desejada e, quando a alcançam, desligam. São a solução elétrica autónoma mais eficiente, embora pesem um pouco no orçamento.

3. Inspecionar o telhado e paredes exteriores

Se há altura do ano perfeita para fazer obras no exterior da casa, essa é certamente quando não chove e, de preferência, não faz muito frio. Para preparar a casa para o inverno é preciso inspecionar e assegurar qualquer manutenção ao telhado ou paredes exteriores da casa.

Convém verificar o estado da fachada e das paredes, que podem estar a precisar de um agente impermeabilizante, com objetivo de repelir a água e evitar a penetração da humidade. Se as telhas, placas e outro material do telhado necessitar de ser substituídos, é esta a altura de o fazer.

Artigo relacionado: Como isolar janelas de forma simples e económica?

4. Reforçar o isolamento de janelas e portas

O frio nas casas faz-se sentir, muitas vezes, devido ao insuficiente isolamento das janelas e das portas. Ter estas vias de acesso bem isoladas permite, inclusive, poupar no aquecimento. Por isso mesmo, para preparar a casa para o inverno é preciso reforçar o isolamento.

Os vidros simples das janelas podem também ser trocados por vidros duplos. A colocação de fita adesiva ou juntas de borracha nas portas e janelas é uma alternativa acessível para reforçar o isolamento.

5. Inspecionar a lareira

Se tens lareira em casa, preparar a casa para o inverno passa por fazer alguma manutenção. É importante garantir que a circulação de ar está desobstruída, e analisar o depósito de resíduos no caso das lareiras a lenha e pellets.

As vedações que possam existir também devem estar em pleno funcionamento e bom estado. Por fim, é importante fazer uma limpeza geral do equipamento e preparar o stock para a lenha ou pellets com alguma antecedência, para que o frio não apanhe ninguém desprevenido.

6. Colocar cada móvel no sítio certo

Sabias que a disposição dos móveis podem influenciar a temperatura do interior da casa? Tê-los no sítio certo vai fazer a diferença, por isso, é importante rever a sua disposição e redecorar os espaços.

Alguns arquitetos defendem que é possível adequar os ambientes e aproveitar a ventilação natural para ter uma casa termicamente confortável. Por exemplo, para um ambiente mais quente, são preferíveis os móveis de tonalidades mais escuras, já que retêm mais calor. Mantém os móveis afastados dos radiadores ou outros emissores de calor, para impedir que o ar quente fique ali concentrado.

7. Decora a casa com tecidos quentes

Sabe sempre bem-estar no aconchego do sofá, a ouvir a chuva cair na rua e a assistir a uma série. Ter disponíveis mantas e almofadas de tecidos quentes é uma boa forma de aumentar o conforto. Tecidos como veludo, pelo sintético, lã ou tecido polar trazem mais calor.

8. Colocar tapetes em sítios estratégicos

Os tapetes também ajuda a manter os espaços interiores mais quentes. Além de reterem o calor, dão uma maior sensação de conforto. Como são uma solução simples, basta usá-los na sala, nos quartos e corredores para sentir logo a casa mais quente e acolhedora.

Artigo relacionado: 8 dicas simples para poupar energia

9. Trocar as cortinas por umas de tecido mais pesado e opaco

Caso não seja possível trocar os vidros das janelas ou vedar com materiais de isolamento, uma alternativa acessível passa por utilizar cortinas duplas, de forma a evitar que o calor escape facilmente. Estas cortinas, como têm um tecido mais pesado e opaco, acabam por reter bem o ar quente.

10. Aproveita a luz solar

Também é possível preparar a casa para o inverno através da mudança de pequenos hábitos. De manhã, abre as cortinas e as persianas para deixar o sol entrar e, quando começa a anoitecer, fecha tudo para conservar o calor por mais tempo. Desta forma, é possível manter a casa quente a custo zero.

Aproveita o OLX para comprares tudo o que precisas para preparar a casa para o inverno, desde sistemas de aquecimento a pormenores de decoração. Não deixes que nada fique em falta e ainda podes encontrar excelentes oportunidades de negócio. Experimenta!


Próximas leituras:

Salamandra a pellets ou a lenha: qual a melhor opção?
Existem diferenças importantes entre a salamandra a pellets e a lenha. Conhece …
Steam Deck: vale a pena comprar esta consola?
Descobre tudo sobre a consola Steam Deck e confirma se vale a …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *