Há um dia em que, à procura de um automóvel para o teu dia a dia, dás de caras com o teu carro de sonho por um preço de espantar. Calma! Antes de começares a deitar foguetes e a apanhar as canas, prepara-te: pode tratar-se de um carro salvado.

O que é um carro salvado?

Mas o que é um salvado? Trata-se de um carro acidentado, o que explica o valor tão baixo pelo qual é proposto. E será mesmo um negócio a não perder ou uma armadilha?

É que um salvado é, na maioria das vezes, um carro que sofreu um acidente suficientemente grave para a companhia de seguros não querer pagar o arranjo, nem o proprietário querer ficar com ele, mesmo arranjado. E isso deverá pôr-te a pensar duas vezes antes de começares a gritar aos sete ventos que és a pessoa mais sortuda do mundo.

Vê todos os carros salvados à venda no OLX

No entanto, nada como avaliar de perto. E, de preferência, bem acompanhado por um mecânico de confiança. É que, a olho nu, pode exibir apenas um para-lamas amachucado ou um farol partido, mas nada garante que o mal feito não tenha sido infinitamente pior. A verdade é que há pequenos toques que desequilibram todo o chassis — e, nestes casos, são raros (ou muito caros) os milagres. Pior: os danos podem ter sido tão extensos que a circulação do automóvel em causa pode revelar-se até perigosa e contribuir para o aumento da sinistralidade.

Por isso, como referimos, não vás ver o carro sozinho. Um mecânico de confiança poderá rapidamente fazer uma espécie de radiografia ao veículo e estimar quanto custa o arranjo, se este for possível.

Não caias ainda na tentação de escolher o mais barato. Se queres mesmo salvar esse carro salvado, dedica-te a encontrar peças de origem. Caso o acidente sofrido tenha afetado a estrutura do veículo, haverá necessidade de recorrer ao banco de ensaio para proceder às medições ou recorrer a laser ou ultrassons para confirmar que as quotas estão de acordo com as do construtor.

Uma reparação mal efetuada poderá ser penosa. Até porque um carro “torcido”, mesmo que nunca venha a ter problemas, nunca dará qualquer prazer de condução.

Já na eventualidade de ter havido batidas laterais, é importante procederes à substituição da peça por inteiro. Ou seja, se alguém te propuser uma espécie de enxerto, com meia peça, recusa prontamente. Sobretudo se for numa porta: um “enxerto” mal feito pode levar a que a porta deixe de fechar ou de abrir, o que pode ser fatal em caso de acidente!

Vais comprar um carro salvado. Encontra todas as peças que precisas no OLX

No caso de peças empenadas, o recurso a um bate-chapas será provavelmente a tua primeira ideia – e até parece ser fácil e em conta. O bate-chapas aquece a peça deformada e martela-a até que apresente a forma original. E o resultado, verás, fica bonito! O problema é que a zona aquecida e martelada deixará de ser eficaz na capacidade de absorção de energia em caso de colisão. Ou seja, uma batida nesta zona será sentida de forma mais dolorosa pelos ocupantes…

Claro que também há exceções e podes encontrar um carro salvado que seja um ótimo negócio. Isso acontecerá se pretenderes usar o salvado como uma fonte de peças e componentes para o teu automóvel. Haja espaço em garagem, e é como ter uma fonte de soluções à mão de semear. Além disso, a maioria das peças de um salvado estarão em condições impecáveis para serem vendidas — e, nesse caso, não só não porás ninguém em perigo, como conseguirás ganhar uns cobres extra.

Ainda assim, mesmo que estejas a adquirir um salvado apenas para usar as peças, procura sempre saber o que aconteceu com o automóvel, que tipo de acidente teve e que utilização tinha antes do sinistro. Quanto mais informação tiveres no teu poder menos surpresas (desagradáveis) terás pela frente…

Se precisares de outras peças para o teu carro, já sabes que podes e (deves) procurar sempre na seção de Peças e Acessórios do OLX. Se tiveres alguma coisa para venda ou troca, aproveita e começa já a fazer negócio.


Próximas leituras:

Como funciona o ar condicionado de um carro?
O ar condicionado veio salvar a vida de quem passa muito tempo …
Comprar carro: a importância do test drive
Vais comprar carro? Ótimo. Agora só falta o test drive: não esperes …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *