Fritadeiras sem óleo? Sim, leste bem. Nos últimos anos temos assistido a uma pequena revolução na cozinha. O objetivo? Mais saúde através da redução do consumo de fritos.

As fritadeiras sem óleo já permitem fazer um pouco de tudo–desde batatas fritas a pão- de forma mais saudável e simples. Funcionam graças ao seu sistema de aquecimento de ar em alta velocidade, que permite obter um resultado crocante, como se os alimentos fossem realmente fritos.

E porque é que estes pequenos eletrodomésticos são tão importantes? Porque os fritos em excesso fazem (muito) mal à saúde. Descobre como funcionam as fritadeiras sem óleo.

Como funcionam as fritadeiras sem óleo

Caso ainda tenhas dúvidas, fica a saber que as fritadeiras sem óleo, ou airfryer, são mesmo sem óleo e utilizam a gordura do próprio alimento para o cozinhar. Quando estás perante um alimento sem qualquer tipo de gordura, podes adicionar meia colher de azeite para um melhor resultado.

A utilização é muito prática e intuitiva. Algumas fritadeiras sem óleo já têm menus digitais com opções específicas para batatas, peixe, carne e pão, com tempos e temperaturas pré-definidas.  Mas, mesmo sem estas ajudas, não há muito que saber.

O equipamento deve ser ligado, colocas o alimento na bandeja, configuras a temperatura e o tempo que pretendes e… descansas. Nem precisas de ficar a controlar o tempo. Assim que estiver pronto, a fritadeira avisa.

Porque deves optar por fritadeiras sem óleo

As fritadeiras sem óleo trazem vários benefícios, entre eles algo que nunca deves descurar: a tua saúde. Mas, para além disso, criam também um ambiente mais limpo e com menos cheiros. Tudo isto a um preço de utilização inferior ao das fritadeiras normais.

1# Mais saudável para a saúde

Através do ar quente que circula e envolve a comida, é possível cozinhar de forma bem mais saudável, evitando o uso de óleo ou margarina. O azeite pode ainda ser acrescentado, mas em quantidade equivalente a meia colher de sopa, insignificante perante o método de fritura tradicional.

2# Sem cheiro a fritos

As fritadeiras sem óleo permitem fritar sem que fiques com a cozinha, roupa e cabelo a cheirar a fritos. Acabou-se também o ar com gordura a apoderar-se dos teus armários e azulejos. O ambiente fica agora bem mais limpo e agradável.

3# Autonomia

Como tem programas cronometrados, podes colocar a fritadeira a óleo a trabalhar e ir tratar de outras coisas. Também por esse motivo, não há risco de queimares a comida, pois desligam-se automaticamente.

4# Versatilidade

Muitas fritadeiras sem óleo são também multifunções. Para além de fritarem, permitem grelhar, assar e cozer alimentos de forma saudável. Só precisas de dar asas à tua imaginação.

5# Utilização económica

Optar por usar as fritadeiras sem óleo traz vantagens diversas a nível da economia, seja no que respeita à redução de produtos como o óleo, ou pela substituição da utilização do forno de tua casa que acarreta maiores consumos energéticos.

6# Limpeza

A limpeza das fritadeiras sem óleo é fácil. O aparelho é antiaderente, o que já é uma grande vantagem na hora de limpar. Além disso, também significa que não precisas de te preocupar com comidas agarradas no recipiente. Basta que utilizes uma esponja macia, para não riscares nem estragares a anti aderência.

10 dicas imperdíveis para organizares a tua cozinha

As desvantagens das fritadeiras sem óleo

Nem tudo é perfeito no mundo das fritadeiras sem óleo. Existem, como acontece com qualquer coisa, algumas desvantagens.

  • Textura: Em alguns alimentos, a textura não é tão crocante como na fritura tradicional. As batatas caseiras, por exemplo, tendem a ficar mais escuras e moles. O mesmo não acontece com as batatas pré-fritas.
  • Nutrientes: Submeter alimentos a altas temperaturas, superiores a 100º, pode fazê-los perder alguns dos seus nutrientes. No entanto, no caso das proteínas, o choque de calor que as fritadeiras sem óleo provocam não tem qualquer prejuízo nutricional.
  • Espaço: Se falamos de mais um equipamento para a cozinha, temos de considerar se temos espaço para ele. As fritadeiras sem óleo têm uma dimensão considerável, pelo que deves ter isso em atenção.

Se estás convencido de que as fritadeiras sem óleo são para ti, aqui ficam 5 aspetos a ter em conta na hora da compra.

O que saber para comprar fritadeiras sem óleo

São 5 os principais fatores de decisão. E basta que não confirmes um deles para teres uma desilusão.

Tamanho

O tamanho das fritadeiras sem óleo podem ser uma desvantagem. Se tens falta de espaço, pondera bem antes de comprar este equipamento, pois podes vir a ter dificuldades em guardá-la depois.

Potência

Quanto maior for a potência da tua nova fritadeira, melhor vai ser o resultado.

Capacidade

Antes de comprar, tenta perceber qual vai ser a tua necessidade de uso. Vais usá-la diariamente? Se sim, a capacidade do modelo que estás a ver consegue responder ao uso diário? Perceber a capacidade do recipiente vai ajudar-te a ter uma noção se é ou não um modelo adequado para ti.

Extras

Algumas fritadeiras sem óleo trazem consigo extras como travão de segurança, forma para bolos, cestas para batatas e filtro de odor. Dependendo do modelo, opta por aquelas que têm extras que te podem ser úteis, evitando assim teres de os comprar mais tarde.

Preço

Existem fritadeiras de diferentes modelos e capacidades, o que influencia diretamente no preço de venda. Estabelece um orçamento e apura as tuas necessidades, para encontrares um equipamento à tua medida.

Dicas para utilizar as fritadeiras sem óleo

Acabas de comprar uma fritadeira sem óleo? Segue estas dicas para tirares o melhor rendimento.

  1. Pré-aquecimento: Mesmo que o teu modelo dispense o pré-aquecimento, vais otimizar os seus resultados se o fizeres. Assim, em dois ou três minutos, consegues que a tua fritadeira atinja a temperatura necessária antes de colocares dentro os teus alimentos.
  2. Não sobrecarregar: Tal como acontece na fritadeira tradicional, se sobrecarregares o recipiente não vais conseguir ter os melhores resultados. Nesse caso, vais encontrar os alimentos cozinhados de forma desigual, podes acabar por prolongar o tempo necessário e, mesmo assim, não obter o resultado esperado.
  3. Virar os alimentos: Apesar de ter autonomia para cozinhar sozinha, vais otimizar as tuas receitas se, a meio do processo, virares os alimentos. Sempre que necessitares, podes também pausar para verificar como está a correr a fritura. Com a prática, vais sentir cada vez menos a necessidade de o fazer.
  4. Limpar depois de usar: Tal como acontece com vários equipamentos e acessórios de cozinha, a limpeza das fritadeiras sem óleo após o seu uso vai facilitar a tua vida. Se saltares esta etapa frequentemente, as partículas de alimentos podem começar a ficar alojadas nos cantos da fritadeira, acumulando-se com o tempo e causando danos a longo prazo. Deixa-a arrefecer e trata logo da limpeza.

Agora que conheces mais sobre as fritadeiras sem óleo, podes desfrutar de refeições rápidas e saudáveis, sem grandes complicações. Aventura-te nas experiências culinárias e surpreende todos aí em casa! No OLX encontras as melhores opções para que nunca abdiques do teu prato preferido.


Próximas leituras:

Organizar frigorífico: truques para o manter limpo e arrumado
Queres saber como organizar o frigorífico, conservar melhor os alimentos e ainda …
Móveis de paletes: ideias DIY para decoração
A madeira dá um charme especial à decoração de interiores e os …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *