O calor do verão não faz apenas os condutores suarem, mas aumenta, também, o risco de acidentes. O stress e o desconforto provocados pelo calor podem fazer com que quem vai ao volante perca a concentração, reagindo mais lentamente e cometendo mais erros durante a condução.

Com as elevadas temperaturas que se fazem sentir, a concentração pode ser prejudicada e os tempos de reação podem ser mais longos. Nesse sentido, o ar condicionado só ajuda se funcionar corretamente. Mas atenção: nem tudo o que pode refrescar os condutores é sensato ou aconselhável.

O ar condicionado é a forma mais eficaz de evitar altas temperaturas dentro dos veículos e, hoje, a grande maioria dos automóveis está equipada com esse sistema. No entanto, este só conseguirá cumprir a sua missão se estiver a funcionar corretamente. É sensato ter uma garagem para realizar uma verificação do ar condicionado antes das viagens mais longas.

E agora que estamos já em pleno verão, a verificação do sistema de ar condicionado do carro torna-se ainda mais relevante. Ligar o ar condicionado do carro enquanto o clima estava fresco podia, de facto, parecer estranho, mas teria sido a melhor forma de garantir que o sistema não precisaria de ser recarregado antes que o tempo quente chegasse.

Procuras peças específicas para o ar condicionado do teu carro?

Seja como for, o sistema de ar condicionado do carro precisa, de facto, de ser recarregado. Quando e como? Neste artigo, damos-te todas as dicas para que passes um verão mais fresco.

Saber identificar os sinais

Tendo em conta que os pneus, travões e fluidos do teu carro precisam de ser substituídos em intervalos regulares, tem presente que o sistema de ar condicionado obedece ao mesmo princípio. No entanto, se o sistema de ar condicionado funciona em circuito “fechado”, então esse não é (para já) o momento.

O que significa circuito “fechado”? Que o circuito de ar condicionado do teu carro consegue circular o gás refrigerante, que é responsável por fazer com que o ar que sai das aberturas seja frio. É, por isso, que o gás precisa de ser recarregado, até porque pode ocorrer uma fuga no sistema.

No entanto, os carros tendem a perder algum gás refrigerante ao longo do tempo de forma natural. Só que, normalmente, tal não é suficiente para exigir uma operação de recarga todos os anos.

Como saber, então, quando necessita o sistema de ar condicionado do carro de ser recarregado? Caso apresente uma fuga, existem alguns sinais que indicam que o sistema pode necessitar de uma operação de recarga ou reparação.

O ar condicionado produz ar quente: a primeira e mais fácil forma de saberes se o sistema de ar condicionado do teu carro precisa de ser recarregado, é verificares se ele sopra ar quente através das saídas. Como o sistema opera fazendo circular o gás refrigerante pressurizado, uma quantidade menor deste afetará o seu desempenho.

A embraiagem do ar condicionado não está a engatar: quando o sistema de ar condicionado do teu carro está em pleno funcionamento, ocasionalmente ouvirás um leve “clique” quando a embraiagem do ar condicionado for ligada. No entanto, se não ouvires esse som (de fora do carro), provavelmente o sistema não está a funcionar corretamente e os níveis de gás refrigerante estão baixos.

Artigo relacionado: Como funciona o ar condicionado de um carro

Fugas visíveis: outra maneira fácil de saberes se o ar condicionado do teu carro precisa de ser recarregado ou reparado é analisares se existem poças finas e gordurosas no chão, sob o compartimento do motor. Se o gás refrigerante estiver a vazar muito, precisas, definitivamente, de reparar o sistema.

Procurar um técnico certificado

Como fazer, então, para recarregar ou reparar o sistema de ar condicionado? Embora possas adquirir gás refrigerante numa casa de peças e procurar um vídeo útil no YouTube sobre como recarregar o sistema, recomendamos que leves o teu carro a um técnico certificado para fazer intervenções em sistemas de ar condicionado em veículos.

A maioria das oficinas de reparação automóvel dispõe das ferramentas adequadas e dos equipamentos necessários para verificar, de forma correta e completa, o sistema de ar condicionado do teu carro e recarregá-lo, se necessário.

Caso o sistema precise de ser reparado, as oficinas também poderão fazer esse serviço. Lembra-te que o gás refrigerante do ar condicionado é prejudicial ao ambiente. Portanto, é necessário ter o equipamento adequado para adicionar mais gás ou retirá-lo do sistema de ar condicionado do teu carro.


Próximas leituras:

Como funciona um motor de injeção direta?
Ao introduzir a mistura ar/combustível diretamente dentro dos cilindros, os motores de …
Está na altura de mudares a panela de escape do carro?
Como a maioria das peças para automóveis, a panela de escape pode …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.