Potência, controlo, peso, resistência, preço. São vários os fatores a ter em conta no momento de escolher uma raquete de ténis. Mas a procura compensa. O modelo certo pode ajudar a tirar melhor proveito de cada jogada e até evitar lesões. Descobre como o fazer com este guia e vê quais as características essenciais a que deves prestar atenção.

1. Área de encordoamento

A potência da raquete de ténis está relacionada com esta característica. Quanto maior a área de encordoamento, maior impacto, o que se traduz em maior velocidade e potência da bola.

Por outro lado, uma área superior oferece também maior margem de erro, para pancadas mais imprecisas. No entanto, este tipo de raquetes oferece menor flexibilidade. Por isso, as raquetes de ténis com uma cabeça maior são mais recomendadas para iniciantes, e as menores são indicadas para jogadores experientes, que procuram maior controlo.

Artigo relacionado: As melhores sapatilhas running até 100€

2. Comprimento

Em geral, uma raquete de ténis mais comprida oferece um maior alcance nas pancadas, melhor alavancagem nos serviços e um pouco mais de potência. Nas raquetes mais longas também é necessário um maior esforço para balançar a raquete.

3. Peso

O peso e a sua distribuição são dois dos fatores mais importantes no momento de escolher uma raquete de ténis. O peso pode variar entre 240 e 340 gramas.

Uma raquete de ténis mais pesada é mais potente, mais estável e absorve melhor os choques do que uma raquete leve. São essencialmente recomendadas para jogadores de fundo, que procuram mais profundidade e velocidade.

Por outro lado, uma raquete mais leve é mais maneável, e facilita o movimento e rapidez. Por isso, permite obter maior amplitude e trocas rápidas na rede. Para quem está a começar, o ideal seria uma raquete de ténis que não ultrapasse 280 gramas.

4. Distribuição do peso

A forma como o peso está distribuído afeta a experiência de jogo. Os jogadores que valorizem potência devem procurar uma raquete que tenha o peso mais distribuído para a cabeça.

Por outro lado, quem preferir mais controlo e subir à rede, deve procurar uma raquete com equilíbrio ao centro, para ser mais fácil de manobrar. Uma raquete com a maior parte do peso concentrada no cabo é indicada para principiantes, pois será mais fácil de controlar.

5. Material da raquete

O material da raquete vai afetar a sua rigidez, fator determinante para a sua capacidade de absorção de choques. Uma estrutura mais rígida dá maior potência, enquanto uma mais flexível confere maior controlo.

Um jogador avançado pode preferir o conforto e controlo de uma raquete mais flexível, já que a tendência será aplicar mais força às pancadas, sem depender da raquete. Já um jogador principiante ou intermédio, pode preferir uma raquete de ténis com estrutura mais rígida, combinando controlo e potência. No entanto, as raquetes mais rígidas tendem a ser menos confortáveis, já que transmitem um maior impacto no pulso, cotovelo e ombro.

Artigo relacionado: Descobre tudo o que precisas saber para começar a jogar padel

6. Padrão de encordoamento

O padrão das cordas influencia a experiência de jogo e a performance. O padrão mais comum é de 16×19, ou seja, 16 cordas na vertical e 19 na horizontal. Uma raquete com este padrão proporciona maior potencia e passa a ser mais fácil aplicar efeitos. Por outro lado, um padrão mais fechado, com menos espaço entre cordas, proporciona um maior controlo.

7.  Perfil de jogador

Não há uma raquete de ténis indicada para todos os jogadores. A escolha vai sempre depender da experiência, constituição física e estilo de jogo. Cada tipo de jogador terá uma afinidade com certos tipos de raquetes.

Por exemplo, para jogadores iniciantes recomendam-se raquetes leves, com o peso mais concentrado no cabo para um controlo mais simples, e com alguma potência. Para jogadores mais avançados, a escolha deve recair em raquetes mais pesadas (a partir de 300 g) para uma maior potencia e com um área de encordoamento mais pequena para um maior controlo sobre as pancadas.

A escolha de uma raquete de ténis é muito importante para qualquer jogador. Agora que já sabes como melhor selecionar a mais indicada para o teu caso, compra ao melhor preço no maior site de classificados, o OLX. Aqui também encontras todo o material para começar a praticar ténis ou para substituir aquilo que já não serve.

Este artigo do blog foi útil?

×

Próximas leituras:

O que precisas para começar a praticar ténis?
O ténis é uma atividade fisicamente exigente que exige que todos os …
8 receitas de Halloween de arrepiar!
Descobre receitas de Halloween divertidas e aterrorizantes para servires aos teus convidados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *