As casas passivas são edifícios desenhados e construídos para serem altamente eficientes em termos energéticos. Estas casas conseguem desempenhar as mesmas funções do que as casas tradicionais, mas consomem até 90% menos energia.

Descobre o que são as casas passivas e quais as vantagens.

As vantagens para os habitantes e para o planeta

A principal vantagem de uma casa passiva é a redução do consumo energético.

Uma janela numa casa passiva, por exemplo, pode reduzir as perdas de calor em mais de 70% em comparação com as janelas de vidros duplos tradicionais. As poupanças são da mesma ordem de grandeza com um isolamento de alta qualidade numa parede ou com um sistema de recuperação de calor eficiente. Isto significa que será necessário muito pouco aquecimento / arrefecimento para manter temperaturas internas confortáveis.

Mas as vantagens não se vêm só na conta ao final do mês. Como passamos tanto tempo dentro de casa, as casas em que vivemos têm impacto sobre a nossa saúde e bem-estar. Para além de permitir poupar nas contas de energia, uma casa passiva é confortável, segura e silenciosa. O ambiente interior é saudável e tranquilo, devido aos diferentes sistemas implementados.

Os sistemas de ventilação numa casa passiva fornecem ar fresco ao interior da casa e removem os poluentes e maus odores, sem deixar de manter uma temperatura confortável.

O isolamento de alto desempenho e as janelas instaladas tornam estes edifícios extremamente silenciosos. Se um prédio estiver localizado numa área urbana movimentada, os habitantes estarão protegidos da poluição sonora e poderão desfrutar de uma casa ou local de trabalho tranquilo.

Além disso, o controlo térmico dos edifícios é responsável por quase metade de todo o consumo de energia de uma casa. Transitar para casas passivas é uma excelente oportunidade de reduzir as emissões CO².

De forma resumida, estas são as vantagens das casas passivas:

  • Contas de energia mais baixas;
  • Menos emissões de carbono;
  • Casas mais confortáveis do ponto de vista térmico, sem correntes de ar ou pontos frios no inverno, e mais frescas no verão;
  • Ar interior mais limpo e saudável;
  • Baixo custo de manutenção;
  • Interiores mais silenciosos.

Quanto mais edifícios forem adaptados ou construídos de acordo com os princípios de casas passivas, mais significativas serão as poupanças e melhor será a qualidade de vida das pessoas.

Mas como é possível obter estas vantagens?

Que tipos de casas sustentáveis existem?

Como funciona uma casa passiva

Uma casa passiva é caracterizada por 5 princípios essenciais:

1# Isolamento de alta qualidade

A abordagem adotada nas casas passivas é também conhecida por “superisolamento”. O objetivo é ter uma casa estanque, com o mínimo de exposição externa, para que o edifício possa reter o máximo de calor. Isto significa que o isolamento cobre todo o exterior do edifício, de preferência sem quebras e com uma continuidade de materiais em toda a estrutura.

No OLX encontras dezenas de opções de materiais de isolamento, aos melhores preços.

2# Isolamento térmico de elevada qualidade

Uma das maneiras de alcançar este nível elevado de isolamento é garantir que existe uma uniformidade entre os materiais utilizados no exterior da casa. Muitas vezes, basta que a caixilharia de uma janela seja de um material com maior capacidade de condução de calor para comprometer o esforço de isolamento de toda a estrutura. Estes pontos frágeis quebram o isolamento e devem ser evitados.

3# Janelas

As janelas são muitas vezes o elo mais fraco de um edifício. Por este motivo, o uso de janelas de alta qualidade é uma parte vital dos padrões de uma casa passiva. Isto significa recorrer a janelas da melhor qualidade possível, para resistir às graves perdas de calor que podem ocorrer através delas.

4# Construção hermética

Outro aspeto importante para criar uma casa passiva é a gestão dos fluxos de ar. O desenho de uma casa com baixo consumo energético deve ter em conta as entradas e saídas de ar e como podem ser utilizados para manter a casa à temperatura ideal.

5# Ventilação mecânica

As casas passivas mantêm o ar fresco por meio de um sistema conhecido como “ventilação mecânica”. A ventilação mecânica recorre a um ventilador que remove continuamente o ar antigo ou húmido e fornece ar fresco. Além disso, o sistema extrai calor do ar que sai para aquecer o ar que entra. Desta forma, o ar permanece fresco, sem que o calor que já está na casa seja perdido.

Quanto custa uma casa passiva?

Atualmente, uma casa passiva custa cerca de 5 a 10% mais do que uma casa convencional. Regra geral, quanto maior for o projeto mais semelhantes são os custos. Um edifício multifamiliar passivo normalmente custará mais cerca de 3% do que a mesma casa que não cumpra os 5 princípios de uma casa passiva. A expectativa é de que à medida que mais e mais fabricantes de janelas e portas em grande escala criam produtos de elevado desempenho, os custos vão sendo reduzidos.

As casas passivas são uma forma de ajudar a reduzir o impacto para o ambiente do nosso estilo de vida. Se ainda não estás preparado para um passo tão grande, começa por transformar o teu lar numa casa inteligente.


Próximas leituras:

Como fazer churrascos em casa sem fumo
Todos gostamos de fazer churrascos em casa mas ninguém quer a casa …
Como organizar a cozinha: 10 dicas imperdíveis
Estás cansado de arrumar e nunca ter um espaço totalmente funcional? Revelamos-te …

9 comentários a “Casas passivas: o que são e quais as vantagens”

  1. Esmeralda diz:

    É tudo muito bonito , para quem tem dinheiro!
    Todas as pessoas gostavam de ter uma casa dessas. Uma grande parte das pessoas nem dinheiro tem para comer.
    E se vocês não me enviassem tanta porcaria ?

  2. Manuela Marques diz:

    Gostei muito do artigo. Não fazia ideia que havia esse tipo de casas.
    Nunca é tarde para se fazer alguma coisa pelo o ambiente e podemos começar por mudar pequenos hábitos.
    Obrigada.

  3. Paulo Jorge Nazaré Correia diz:

    Gostaria de ter mais informação como preços, dimensões

  4. Simão diz:

    Bom dia
    Gostei do tema e da forma como foi desenvolvido. Trata-se de uma solução com futuro, principalmente para casais jovens e procuram alternativas relacionadas com a defesa do ambiente.
    Muito adequado também a pessoas que querem sair das grandes cidades porque agora trabalham em casa.
    É a oportunidade de estarem mais ligados à natureza e com a possibilidade de terem uma vida mais calma e económica.
    Parabéns pelo texto.

  5. Joaquim Almeida diz:

    Uma casa passiva não é exactamente isso que foi descrito.
    O conceito descrito neste artigo corresponde a um conceito que foi indevidamente apropriado com o nome PassivHaus (austriaco) mas que na realidade não espelha o conceito de Casa Passiva, que como o nome indica é PASSIVA e não se suporta em elementos ACTIVOS ou mecanicos, como ventilação mecanica que é a base da PassivHaus.
    Uma casa passiva tem de se adaptar ao clima e condições locais e não ser concebida como se Portugal tivesse o clima da Austria.
    Podem ver melhor aqui
    https://www.engenhoearte.info/post/constru%C3%A7%C3%A3o-sustent%C3%A1vel

  6. Hermínio Fontes diz:

    Artigo com muito interesse para quem quer e pode construir.
    Para estes, será importante saber, que o aumento de custos de construção, não ultrapassará os 10%.
    Para os outros, como a Esmeralda, abstenham-se de comentários sem nexo.

  7. António Grilo diz:

    Gostaria de dizer que o conhecimento, alimenta, e não prejudica ninguém! Também não traz fome nem desemprego. Pode sim ser uma força importante para ajudar a reverter desigualdades. Isto para comentar o comentário despropositado que li sobre esta publicação.
    Posto isto gosto muito de ler as vossas publicações, fazem apanhados muito abrangentes e interessantes sobre temas Também igualmente interessantes e atuais. O meu agradecimento pelo vosso trabalho e continuem, por favor. Quem têm interesse lê, quem não têm não lê! E quem se sente incomudado remove o seu endereço de email, e pronto. E quem lá o têm é porque está registado e já utilizou o OLX, por qualquer interesse seu.
    Bom trabalho.

  8. Maria Candida Alves diz:

    Bom Dia…Vi este anúncio de construção de casas passivas, gostaria de saber mais sobre estas casas e onde posso entrar em contacto com a empresa, Muito Obrigado!
    Meus Cumprimentos
    Maria Candida Alves

  9. MARCO SILVA diz:

    Interessante, essa deveria ser a norma para um país que peca tanto na qualidade de construção. Não fosse o nosso clima ameno e estaríamos desgraçados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *