Sabias que ao comprar um carro usado estás a ajudar a tua carteira e o ambiente? Isto porque ajudas a reduzir a necessidade de produção de novos carros e estás a promover a economia circular. Aquilo que já não é útil para uns, pode ser perfeito para ti.

No entanto, antes de comprar um carro usado em segurança existem vários pontos a verificar.

1. Define o que procuras ao comprar um carro usado

A compra de um carro é a segunda maior despesa que fazemos nas nossas vidas, depois da casa. Para além do valor inicial, tem um grande impacto no orçamento familiar. Por isso mesmo, os carros usados podem ser a solução ideal.

Esquece as marcas e o design: concentra-te exclusivamente nas características que o veículo tem de ter. Para facilitar, responde a estas questões: quantas pessoas vão utilizar o carro? Qual é o orçamento? E o uso? Qual é o tipo de combustível? Sabes as diferenças entre um carro elétrico e um carro a combustão? Que montante queres gastar na manutenção e em IUC? Como fica o orçamento familiar com o custo adicional do carro?  

Faz o seguinte exercício: a cada característica do carro (marca, nº de quilómetros, preço, extras) associa uma pontuação de importância, de 1 (pouco importante) até 4 (muito importante).

Por exemplo, se a marca for muito importante, atribui a este fator um peso de 4. Se o número de extras for pouco relevante, dá-lhe um 1. Segue este exemplo:

Critérios de escolhaImportância de cada critério
Antiguidade do carro1 – Pouco importante
Consumos médios4 – Muito importante
Kms percorridos3 – Médio alto
Preços4 – Muito importante
Extras2 – Médio baixo

Ajusta e personaliza com os critérios importantes para ti, e o peso que atribuis a cada um. Quando tiveres terminado, avança para o passo seguinte.

No OLX encontras a melhor seleção de carros em segunda mão

2. Faz o trabalho de casa

Se entrares no site do OLX encontras milhares de opções e é fácil perderes-te entre tantas opções. É aqui que os filtros são importantes. 

É possível, por exemplo, parametrizar os resultados para só ver uma determinada gama de valores, nº de portas, tipos de combustível, ano e quilómetros.

Assim, consegues fazer um estudo mais focado. Idealmente, resume a tua pesquisa a um Top 10. Lembras-te da lista de características que fizeste no passo anterior? Pontua cada modelo em cada característica, de 1 (pontuação baixa) a 4 (pontuação elevada). Por exemplo:

CritériosImportânciaOpção 1
Mini Cooper S 1.6 D 2012 com 105.000 km, 6.8 L/km e 19.000 €
Opção 2
BMW Série 1 116d 2018 com 98.000 km, 6.5 L/km e 21.000 €
Antiguidade1 – Pouco importante1 – Má avaliação4 – Excelente avaliação
Consumos médios4 – Muito importante2 – Médio baixo2 – Médio baixo
Kms percorridos e desgaste3 – Médio alto3 – Médio alto3 – Médio alto
Preços4 – Muito importante4 – Excelente avaliação4 – Excelente avaliação
Extras2 – Médio baixo4 – Excelente avaliação3 – Médio alto
Pontuação final (Multiplica o nível de importância pela pontuação que deste a cada carro)4241

Qual é a melhor opção? Neste caso, a opção 1 seria a melhor, porque tem uma pontuação mais elevada quando multiplicas a importância pela avaliação de cada critério.

3. Faz o test drive antes de comprar um carro usado

No momento em que testares o teu Top de carros, leva contigo esta lista de pontos a verificar:

  • Odores e limpeza geral;
  • Desgaste do volante e pedais;
  • Estado dos estofos e tapetes;
  • Caixa de velocidades (procurar por possíveis folgas);
  • Sistema de travagem (ver se tem fugas);
  • Funcionamento dos instrumentos de bordo e possíveis extras (faróis, escovas, rádio, botões de controlo, ar condicionado, entre outros);
  • Estado da pintura, da carroçaria, dos pneus e das portas;
  • Existência de ruídos estranhos em andamento;
  • Estado e validade da bateria.

Se não estás à vontade para fazer esta verificação sozinho, pede a um mecânico para te acompanhar. Encontras vários profissionais no OLX.

10 peças do carro com data de validade

4. Verifica o histórico do carro

Para comprar um carro usado, deves primeiro aferir o “passado” do automóvel. Faz as seguintes verificações:

  • Verifica quantos proprietários já teve através da Certidão Permanente do Registo Automóvel no site Automóvel Online, ou numa conservatória do registo automóvel;
  • Pede o VIN (Vehicle Identification Number) que funciona como um número de identificação do carro;
  • Verifica o Livrete ou Documento Único Automóvel (DUA);
  • Pede a ficha de inspeção;
  • Confirma se o Imposto Único de Circulação (IUC) está pago;
  • Verifica se as revisões estão em dia no Livro de revisões;
  • Se for importado, pede os documentos da importação e legalização;
  • Verifica sempre se o carro está penhorado no portal do IMT online;
  • Confirma que o veículo tem seguro automóvel no site da Autoridade de Supervisão de Seguros e Fundos de Pensões;
  • Verifica se teve sinistros através do Instituto dos Registo e Notariado (IRN), que tem um custo de 10€ e pode ser feito no balcão online.

5. Negoceia o preço

Conhecendo bem o mercado e os pros e contras do modelo, partes para a negociação mais preparado. Não te esqueças de incorporar eventuais custos com reparações na discussão do preço, bem como de atribuir um valor ao facto de ter ou não garantia.

Por uma questão de segurança, recomendamos que mantenhas toda a comunicação dentro das ferramentas de chat OLX. Assim, caso exista algum problema, podemos ajudar-te.

6. Analisa o impacto no orçamento

Antes de avançar, confirma que consideraste todos os custos relacionados com a compra do carro usado:

  • Estimativa dos custos mensais com o combustível, de acordo com os quilómetros diários;
  • O pagamento anual do IUC, que varia com a cilindrada (ou voltagem) idade e o tipo de combustível;
  • Os gastos anuais com o seguro automóvel que dependem da idade, histórico de sinistros, e dos dados de quem vai contratar o seguro;
  • O gasto anual com a Inspeção Periódica do veículo, a realizar anualmente pelo IMT;
  • Os custos de manutenção do veículo que variam conforme a idade do carro, a marca e o modelo, e com o tipo de uso que fazes.
Desempata no OLX

Por não se tratar de um carro novo, a compra torna-se mais arriscada: há que definir bem o que procuras, avaliar a oferta no mercado, fazer o test drive, verificar o histórico e calcular todos os custos.

Se passares todas estas etapas estás mais preparado para fazer uma boa escolha ao comprar um carro usado.

Estando estes pontos garantidos, avança para a compra do teu carro usado de sonho. Com o OLX, claro.


Próximas leituras:

Guia para comprar um carro elétrico usado
Vais comprar um carro elétrico usado mas não sabes bem quais os …
4 carrinhas usadas por menos de 15.000€
Precisas de espaço para a família ou para transportar coisas do dia …

Um comentário a “Checklist para comprar um carro usado de forma segura”

  1. helder silva diz:

    O Grande problema de comprar carros usados é que na maioria os carros que vão á inspeção antes de serem vendidos, as garagens que fazem as inspeções já terem sido comprados pelo vendedor para passar informações falsas. eu conheci um homem que trabalha numa garagem que me disse que isso é um caso recorrente. o mais triste é que quando o comprador descobre que o carro está todo podre, o inspecionador que faz a inspeção do carro, diz que esses problemas só podem ter acontecido depois da inspeção. não existe nada que os ponha na prisão e nenhum regulador para que tal acontecimento não aconteça com tanta frequência. gostava de saber se carros automáticos em segunda mão, tem a mesma força na aceleração depois de tantos anos de uso? o mesmo queria saber acerca do uso de baterías para carros electricos, se não são o mesmo que os telefones e que, depois de alguns anos levam uma eternidade para recarregar a energia perdida, e quando a bateria está em uso a durabilidade é extremamente reduzida.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *