Com o ressurgimento das vendas de discos de vinil e a atenção renovada em torno deste formato, alguns colecionadores podem estar perante uma verdadeira mina de ouro. Quer tenhas começado agora a ouvir discos de vinil ou sejas um colecionador veterano, podes ter uma pequena fortuna em casa.

Estes são os 5 discos de vinil mais valiosos

5# Prince, Black Album (1987)

Este álbum, originalmente conhecido como The Funk Bible, estava previsto para lançamento no final de 1987. O marketing e o design iniciais foram intencionalmente vagos – sem título, sem imagem, sem créditos.

Quando tudo estava pronto, Prince exigiu que o disco fosse destruído. Porquê? Porque estava convencido que o disco era “maléfico”. No entanto, algumas das cópias promocionais já estavam em circulação. Alguns anos depois deste episódio, um dos discos de vinil foi vendido por cerca de $27.500, valor que corresponde a 52.000€ nos dias de hoje.

O exemplar em questão estava ainda lacrado, ou seja, por abrir. Era o último sobrevivente da produção inicial, salvo por um funcionário da fábrica de prensagem no último minuto, antes da destruição.

Alguns anos depois, em 1999, Prince (re)lançaria o álbum numa grande tiragem, o que faz com que hoje qualquer pessoa o possa disfrutar. Mas o valor destes originais, com um passado mirabolante, não para de subir.

Encontra uma grande variedade de discos de vinil no OLX

4# Aphex Twin, Caustic Window (2014)

A maioria dos discos de vinil nesta lista tem várias décadas. No entanto, esta entrada no ranking dos mais valiosos é de 2014.

O que o torna tão especial, ao ponto de ter sido vendido por cerca de $46.000, é ter sido produzida apenas uma edição limitada, de teste de produção ou prensagem. Desde esse momento, não são conhecidas novas versões. O comprador? Nada menos do que o inventor do Minecraft, Markus ‘Notch’ Persson.

3# John Lennon e Yoko Ono, Double Fantasy (1980)

É comum que um disco de vinil possa ter enorme valor como resultado de alguma característica que o torna mais raro, seja um erro de impressão ou uma assinatura do autor.

No caso desta cópia de Double Fantasy de John Lennon e Yoko Ono, vendida em 1999 por $150.000 (aproximadamente 235.000€ em dinheiro de hoje), o detalhe que a tornou tão valiosa foi o facto de ter sido assinada pelo próprio Lennon apenas algumas horas antes da sua morte em 8 de dezembro de 1980. Este pormenor macabro tornou-o um dos discos de vinil mais valiosos de sempre.

2# The Beatles, The Beatles, aka “White Album” (1968)

Em 2015, o baterista dos Beatles Ringo Starr participou num leilão de beneficência. Entre os mais de 800 items da sua coleção pessoal, estava a cópia de Ringo do “White Album” dos Beatles. Com o número de série A0000001, tratava-se do primeiro exemplar alguma vez produzido.

Era sabido que cada um dos Beatles tinha recebido as primeiras quatro cópias do álbum, mas sempre fora assumido que John Lennon ficara com a cópia nº 1. Na verdade, era Ringo quem mantinha armazenada num cofre durante 35 anos.

Antes do leilão começar, as estimativas apontavam para um preço de venda do álbum a ronda os $200.000. No entanto, o valor obtido surpreendeu até o próprio Ringo. Quando o martelo caiu no final do leilão, o “White Album” tinha sido vendido por $790.000.

1# Wu-Tang Clan, Once Upon a Time in Shaolin (2015)

No topo da lista dos discos de vinil mais valiosos de sempre, encontramos um exemplar do qual só se produziu uma única cópia. Curiosamente, é também o mais recente. Como não podia deixar de ser, há uma história inesperada por detrás de um disco deste valor.

Em 2015, Os Wu-Tang Clan, frustrados com o que entendiam ser o estado da indústria musical, decidiram criar um álbum com um único exemplar. Para se assegurarem de que assim seria, criaram um contrato que estipula que o comprador do disco não pode tentar vender ou ganhar dinheiro com o disco por 100 anos, embora o possa divulgar gratuitamente se assim o desejar.

O comprador foi Martin Shkreli, CEO da Turing Pharmaceuticals, que o arrebatou por $2 milhões, de longe o maior valor alguma vez pago por um disco de vinil. Entretanto caído em desgraça, Shkreli ganhou a triste fama de ter aumentado o preço de alguns medicamentos essenciais em mais de 5.000%. As agências de segurança americanas não gostaram e, desde a altura da compra do vinil, Shkreli foi condenado a mais de 20 anos de prisão por fraude. Quanto ao disco de vinil, também foi confiscado pelas autoridades, que o mantêm guardado até hoje.

O contrato tinha uma cláusula excecional que serve de última esperança para os fãs. Se os membros da banda ou, curiosamente, o ator Bill Murray, conseguirem obter de volta por meio de roubo, então o disco será deles.

Até hoje, este disco de vinil nunca foi tornado público e, naturalmente, não está disponível em streaming. Para ouvir este álbum de 2015 dos Wu-Tang Clan, é mesmo necessário esperar 100 anos, aguardar que as autoridades o divulguem, ou que uma das pessoas nomeadas no contrato o retome pela força!

Dicas para vender discos de vinil online

Se tens uma destas pérolas em casa (pouco provável) ou um clássico de muito valor, eis os que deves fazer para o vender online.

  1. Descobre a versão do disco de vinil: A diferença entre edições, cores e artwork pode fazer a diferença no valor. Algumas versões podem valer centenas de euros. Outras, aparentemente muito parecidas, mas com pormenores distintos, valem pouco. Verifica, por exemplo, o número do catálogo (na lombada do disco) ou o código de barras para saber a versão do disco de vinil.
  2. Estabelece um preço: Para estabelecer um preço para a tua versão, que dependerá sempre do estado de conservação e se foi ou não aberto, procura exemplares semelhantes no OLX.
  3. Coloca-o à venda no OLX: O próximo passo é tirares as fotografias, escreveres uma descrição inspiradora, e colocares à venda no OLX.
Banner com mensagem e botão: desempata no OLX.

No OLX, é fácil vender os discos de vinil que tens aí por casa e que podem ser muito valiosos para alguns colecionadores. Cria o teu perfil hoje!


Próximas leituras:

Guia Prático de Yoga para Iniciantes
O Yoga é uma das melhores ferramentas para descontraíres e relaxares, ao …
8 museus para conhecer sem sair de casa
Estamos fechados, mas temos muitos locais à escolha para conhecer virtualmente. Visite …

5 comentários a “Discos de vinil: estes são os mais valiosos”

  1. Isabel Garcia diz:

    Fico surpreendida com este artigo sobre a popularidade dos vinis. Tenho uma enorme quantidade de discos à venda. Porém, talvez porque a maioria é de música clássica, não consigo vender nenhum.

  2. alda martins diz:

    já nao se consegue vender nada no OLX, nem mesmo coisas novas, nada, nem dado. Algumas pessoas começaram a vender coisas a 1 euro, o que é estúpido e já não vale a pena colocar nada.

  3. Carlos Nogueira diz:

    Boa tarde eu tenho o Double Fantasy do Jonh Lennon e Yoko Ono e comprei -o em 79 ou 80 sei que foi no ano em que saiu o disco. Também tenho o duplo LP branco dos Beatles mas comprei-o em 1978.Não sei quanto valem estes discos também tenho o Beatles at Hollywood bowl o LP amarelo enfim em vinil devo ter cerca de 400 discos mas eu não vendo apenas compro mas só por curiosidade gostava de saber o valor destes discos que eu disse. Obrigado

  4. Sonia Sousa diz:

    Como posso vende-los?

  5. Francescoli diz:

    Carlos Nogueira, depende de muita coisa, e não é assim tão simples quanto aparenta ser.
    Esses 3 discos que refere, podem valer alguma coisa como podem ser mais do que vulgares, depende da edição e estado do disco e da capa.
    Este albúm branco dos Beatles que eles referem como sendo muito raro, é o 0000001 e não A0000001 como é por eles mencionado, e quem o tem é o Ringo Starr (no caso deste duplo, quanto mais baixo o número melhor, como é vulgar nas edições numeradas).
    Enfim, este artigo engana muita gente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.