Escolher um dos melhores grelhadores de jardim nem sempre é tarefa fácil, principalmente se fores um verdadeiro fã. Descobre o que ter em conta para escolher a opção mais adequada às tuas necessidades.

Que tipos de grelhadores de jardim existem?

Antes de formalizares a tua compra, é importante perceber as diferenças que existem entre os vários grelhadores de jardim disponíveis.

Grelhador a gás

Este tipo de grelhador tem a vantagem de iniciar de imediato, tornando-se rápido e de fácil manuseamento. O resultado é mais uniforme do que, por exemplo, num grelhador a carvão e, para além disso, o controlo da temperatura é também mais acessível. A limpeza é simples.

Alguns modelos apresentam mais do que um queimador, sendo até possível cozinhar em diferentes temperaturas, dando resposta às necessidades de cada alimento. Alguns têm uma tampa, para que possas preservar o calor e os próprios alimentos.

A principal desvantagem prende-se com a necessidade de comprar, transportar, armazenar e conectar as botijas de gás. Para quem não tem tempo para isso, ou não se sente à vontade para o fazer, esta não é a melhor opção.

Alguns modelos vêm com opção de ligar a uma linha de gás o que elimina parte deste problema, mas cria outro: o grelhador perde mobilidade.

Podes encontrar grelhadores de jardim a gás em diferentes tamanhos e estruturas, sendo bastante funcionais, geralmente leves, portáteis e ágeis. Este tipo de grelhador é uma solução segura e de baixo custo.

Vantagens:

  • É perfeito para pequenos jardins e terraços;
  • Cozedura homogénea;
  • Economia de tempo;
  • Limpeza fácil.

Desvantagens:

  • Instalação complexa;
  • Normas de segurança a cumprir;
  • Perda de sabor e de humidade dos alimentos.

Impressiona os teus amigos no próximo churrasco

Grelhador a carvão

Este é o mais popular entre os grelhadores de jardim e é também o mais tradicional. Com ele consegues garantir um sabor característico aos teus churrascos. Para uma refeição rápida, o grelhador a carvão não é tao aconselhado, uma vez que podes demorar até 20 minutos só para conseguir que o carvão aqueça. Para além disso, também é mais difícil controlar a temperatura.

Uma das principais desvantagens a considerar é o efeito para a saúde. Os grelhadores a carvão emitem fumo tóxico, que é desaconselhável para quem sofre de doenças respiratórias, como asma. As chamas e o fumo destes grelhadores já foram inclusive considerados como potenciador de algumas formas de cancro.

Por norma, os grelhadores a carvão são maiores, sendo mais recomendáveis para jardins, terraços ou varandas espaçosas. Carecem de uma presença atenta do utilizador, não apenas por segurança, mas também para formar as brasas necessárias para cozinhar.

Vantagens:

  • Sabor.

Desvantagens:

  • Tempo de preparação;
  • Baixo rendimento térmico;
  • Emissão de gases tóxicos.

Grelhador elétrico

Os grelhadores de jardim elétricos têm um tamanho mais pequeno, podendo ser utilizados dentro de casa ou, caso não tenham a capacidade antifumo, perto de uma área ventilada.

Graças ao seu tamanho, também se tornam mais fáceis de limpar. São rápidos a aquecer e cozinham de forma uniforme. Não adicionam sabor aos grelhados, o que pode ser uma desvantagem a comparar com o carvão, mas que garante a preservação dos alimentos e dos seus nutrientes.

Apesar de serem menos comuns que os grelhadores a gás, são uma excelente opção e uma solução complementar para ocasiões especiais, que exijam um sistema ágil, leve e portátil. Alguns modelos oferecem ainda sensor automático de espessura, a possibilidade de detetar o tempo de cozedura e a temperatura adequadas, conferindo uma maior consistência ao teu churrasco.

Vantagens:

  • Fácil controlo da temperatura;
  • Rapidez na montagem;
  • Modelos básicos a preços acessíveis.

Desvantagens:

  • Não conferem sabor aos grelhados.

O grelhador que procuras está no OLX

Como escolher o grelhador certo para o teu jardim

Agora que já conheces os diferentes tipos de grelhadores de jardim, descobre como escolher um para as tuas necessidades.

  • Grelhador redondo: Os grelhadores redondos são um clássico intemporal. A forma redonda permite a máxima acessibilidade a partir de qualquer lado.
  • Estruturas modulares: É comum a utilização de uma estrutura de tijolos que assegura a solidez da estrutura, a durabilidade e resistência. É uma forma segura e eficiente de criar um espaço para cozinhar.
  • Grelhador em movimento: Esta é uma opção para não ocupar os jardins e terraços. Se não tens muito espaço ou se a utilização é muito pontual, escolhe um grelhador que possa ser transportado facilmente de forma ágil e segura, mas capaz de assegurar um excelente churrasco.
  • Churrasqueira de pedra: A construção de uma churrasqueira de pedra permite a criação de uma chaminé, permitindo uma utilização ideal, segura e limpa. Desta forma, os vapores e fumos são expulsos para longe do espaço de refeição.

Como fazer churrascos em casa sem fumo

5 aspetos a considerar no momento da compra

Se já sabes o tipo de estrutura que procuras, aqui está o que tens de ter em consideração antes da compra:

  1. Fonte de energia: O tipo de energia que alimenta os grelhadores de jardim determina a sua mobilidade, instalação, preço, o sabor dos grelhados e o tempo que levam até estes ficarem prontos.
  2. Dimensão: O espaço disponível a utilizar vai ser decisivo na hora de escolher o grelhador adequado. Para espaços pequenos ou apartamentos, a opção de um grelhador elétrico é mais certeira. Pouco espaço exterior exige um modelo compacto, grelhadores de jardim mais simples de montar e limpar. Os grelhadores fixos são adequados para espaços maiores e oferecem mais opções quanto às formas de cozinhar.
  3. Materiais: Os materiais mais comuns dos grelhadores de jardim são o metal, betão, cerâmica, pedra, barro e materiais compósitos, entre outros.
  4. Outras características: É importante estar atento aos acessórios, incorporados ou separados, que os grelhadores trazem consigo e que oferecem uma maior potência ou utilidade. Para além disso, convém considerar o peso, o local onde utilizar, a velocidade máxima que atinge tal como a de pré-aquecimento, a facilidade de montagem ou a resistência ao uso.
  5. Número de pessoas: O número que de pessoas que vais alimentar influencia o tipo de grelhador de jardim. É importante perceber se a sua finalidade passa por reunir maioritariamente grandes números de pessoas ou servir frequentemente um pequeno grupo.

Depois de escolheres qual dos grelhadores de jardim é o melhor para ti, não desvalorizes a importância dos acessórios, que vão melhorar o desempenho e a funcionalidade do teu grelhador.

Podes começar por adquirir um kit de acessórios composto por um garfo, espetos para a carne, tenaz, faca, espátula e pincel. Os kits de limpeza não são, nem um pouco, menos importantes. Normalmente são compostos por uma pá, espátula, escova com pontas de aço, acordo com o material do grelhador que é a tua escolha.

Por último, dá sempre jeito ter à mão capas, gavetas, tampas de aço, bandejas, rodas e elevadores para as grelhas.

Qualquer que seja o grelhador de jardim que escolhas, tem em mente a conveniência, facilidade de uso, segurança e funcionalidade que o mesmo te proporciona, para garantires momentos sociáveis e felizes. Descobre o modelo para ti, no OLX.


Próximas leituras:

Organizar frigorífico: truques para o manter limpo e arrumado
Queres saber como organizar o frigorífico, conservar melhor os alimentos e ainda …
Móveis de paletes: ideias DIY para decoração
A madeira dá um charme especial à decoração de interiores e os …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *