Regra geral, a construção de casas é feita hoje como há 40 anos, com enormes ineficiências de energia e elevadas emissões de carbono. Segundo alguns estudos, a indústria da construção civil é responsável por 40% da produção de carbono a nível mundial.

Em resposta a estes números preocupantes, nos últimos anos começaram a surgir alternativas viáveis, desde novas formas de construir à substituição de materiais como aço, betão e plástico por outros mais sustentáveis. Os termos habitação sustentável, arquitetura verde ou eco-living foram cunhados para designar as casas que se enquadram nesta tendência: projetos de construção ambientalmente seguros.

Nesta definição abrangente cabem muitos tipos diferentes de casas sustentáveis. Atualmente, existem várias opções ao seu alcance, qualquer que seja o orçamento.

Casas pré-fabricadas

As casas pré-fabricadas são uma das principais inovações da indústria nas últimas décadas e trazem vantagens importantes para a tua carteira e para o ambiente.

À medida que a densidade populacional aumenta nas cidades, a procura por soluções pré-fabricadas continua a crescer – segundo alguns estudos, a um ritmo de 6% por ano. Existem várias razões para este crescimento acelerado.

Por um lado, o preço das casas pré-fabricadas é apelativo. Os preços variam (e muito) dependendo da dimensão e materiais, mas hoje em dia é possível comprar uma casa pré-fabricada numa gama de preços entre 10.000 € e 30.000€, uma fração do custo de construir uma casa pelos métodos tradicionais. Como regra geral, uma casa pré-fabricada com a mesma área e os mesmos acabamentos terá um custo até 20% inferior do que uma casa construída da forma comum.

Para além disso, construir uma casa pré-fabricada é mais rápido. Para sermos exatos, construir uma casa pré-fabricada é até 50% mais rápido do que uma casa tradicional. Isto porque os processos são standardizados e otimizados em fábrica – os atrasos na construção e derrapagens no orçamento são menos prováveis.

Também existem vantagens importantes do ponto de vista ambiental. Como a construção acontece num ambiente controlado, é mais fácil garantir que são seguidas as normas ambientais.

No OLX encontras dezenas de casas pré-fabricadas

Casas com jardim no telhado

Este tipo de casas sustentáveis rentabiliza ao máximo cada metro quadrado de telhado com vários tipos de plantas. A vegetação traz muitas vantagens para a casa, como um bom isolamento que bloqueia os ruídos externos.

Estes telhados eco também ajudam a regular a temperatura, mantendo a casa mais fresca durante o verão e mais quente no inverno.

Podem ainda ser usados como hortas ou pomares para o cultivo de frutas, vegetais ou flores que melhoram a qualidade do ar não só da casa, mas também da área circundante.

Casas passivas

As casas passivas são edifícios desenhados e construídos para serem altamente eficientes em termos energéticos. Estas casas conseguem desempenhar as mesmas funções do que as casas tradicionais, mas consomem até 90% menos energia.

Mas as vantagens não se vêm só na conta ao final do mês. Como passamos tanto tempo dentro de casa, as casas em que vivemos têm impacto sobre a nossa saúde e bem-estar. Para além de permitir poupar nas contas de energia, uma casa passiva é confortável, segura e silenciosa. O ambiente interior é saudável e tranquilo, devido aos diferentes sistemas implementados.

A abordagem adotada nas casas passivas é também conhecida por “superisolamento”. O objetivo é ter uma casa estanque, com o mínimo de exposição externa, para que o edifício possa reter o máximo de calor.

As janelas são muitas vezes o elo mais fraco de um edifício. Por este motivo, o uso de janelas de alta qualidade é uma parte vital dos padrões de uma casa passiva. Isto significa recorrer a janelas da melhor qualidade possível, para resistir às graves perdas de calor que podem ocorrer através delas.

Melhora o conforto da tua casa com estas dicas para isolar janelas

Casas Carbono Neutro

Uma casa Carbono Neutro é tão eficiente em termos de energia que a sua pegada de carbono líquida anual é zero. Estas casas estão ligadas à rede de energia, mas são tão isoladas, herméticas e de baixo consumo de energia que se tornam livres de carbono. Para além disso, produzem energia renovável suficiente para equilibrar quaisquer pequenos custos de energia e podem até produzir mais do que usam, tendo uma contribuição positiva.

Uma casa Carbono Neutro é um conceito recente, baseado em novas tecnologias inteligentes e energias renováveis ​​que a tornam possível. À medida que a tecnologia e as capacidades de geração e armazenamento de energia crescem, este tipo de residências será cada vez mais comum no futuro.

Combinar as estratégias de poupança de energia com a produção renovável é uma eco-revolução com potencial para criar casas sustentáveis tranquilas e confortáveis. E também de poupar muito dinheiro.

Casas de madeira

As casas modernas de madeira também são um exemplo de casas sustentáveis. Este tipo de habitação costuma ser projetado para se misturar com as árvores na paisagem e podem incluir características especiais, como tetos com portas de vidro deslizantes, para combinar ainda mais a casa com o exterior.

Muitos edifícios de madeira também são projetados para permitir a entrada de ar e luz nos quartos e criar uma sensação de espaço e ligação com a natureza.

Casas feitas de materiais reciclados

Uma das tendências mais recentes no mundo da construção civil: casas sustentáveis criadas a partir de materiais reciclados. Alguns exemplos deste tipo de habitação incluem até cerca de 90 por cento de materiais usados, derivados de resíduos domésticos e de construção.

Estas casas sustentáveis recuperam produtos do dia-a-dia e que dificilmente teriam outro uso: escovas de dentes, caixas de DVDs, disquetes e até carpetes usadas. Para os donos destas casas, não existe lixo, apenas coisas no lugar errado.

As casas sustentáveis vieram para ficar. Com as inovações nesta área, é possível viver com menor impacto ambiental, sem perder qualidade de vida. Neste momento, já existem opções para todos os gostos e orçamentos.

Ao comprar e vender no OLX, também estás a ajudar o ambiente. Promoves a economia circular, em que aquilo que já não usas pode ser de grande valor para outros. Desta forma, a necessidade de produzir novos produtos é menor. O planeta agradece, e a tua carteira também.


Próximas leituras:

Como fazer churrascos em casa sem fumo
Todos gostamos de fazer churrascos em casa mas ninguém quer a casa …
Como organizar a cozinha: 10 dicas imperdíveis
Estás cansado de arrumar e nunca ter um espaço totalmente funcional? Revelamos-te …

3 comentários a “Que tipos de casas sustentáveis existem?”

  1. Dr. Manuel Afonso ARAÙJO diz:

    Boa tarde uma casa destas requer os mesmos procedimentos a nivel de licenças, EMI, ligação de esgotos a rede ou fossa como é obvio,
    obrigados
    cumpts
    Araújo

  2. João diz:

    Gostei imenso deste novo projeto de construção de casas.

  3. Maria Conceicao diz:

    Boa tarde. Pode se instalar este tipo de casas em terreno agrícola? Cmpts.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *